De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

07
Jul 08

«Olha que cãozinho tão giro!» - diz a mulher, caminhando de braço dado com um homem.
«É giro é! Estes pequeninos são os piores! Assustam-se com tudo e atiram-se às pessoas!» - riposta o homem encolhendo-se um pouco ao contacto das patas do cão nas suas pernas e ao som agudo dos latidos.
«Oh Vasco... não sejas assim! Não vês que o canito não faz mal? Só quer é festas, vês?» - a mulher inclina-se e passa as mãos pelo dorso do animal.
O cão pára de ladrar e olha a mulher directamente nos olhos, depois solta alguns sons meio gemidos como se estivesse a querer falar com ela.
«Oooohhhh tão lindo! Vês Vasco? Ele só quer festinhas...»
O homem encolhe o canto da boca num ar resignado.
O cão, no entanto, continua a olhar bem fundo nos olhos da mulher e com o seu murmúrio canino.
«Pronto, agora já chega... amanhã dou-te mais festinhas.» - a mulher volta a erguer-se.
O animal saltita à sua frente, rodopia, ladra, ergue e encolhe as orelhas.
«Vá, Farrusco! Põe-te a andar. Não ouviste? Amanhã.» - atira o homem, contente por o interlúdio terminar.
Puxa o braço da mulher e recomeça a caminhada.

O animal desistiu e o casal prosseguiu. No exacto momento em que vão a atravessar a rua, um carro arranca demasiado cedo no cruzamento, embate de lado no autocarro que passava e despista-se, colhendo o casal e arremessando os seus corpos para uma distância considerável.
O cão vem ter comigo ao banco do jardim com um ar muito triste.
«Deixa lá... tu tentaste. A culpa não é tua.» - digo para o reconfortar.
«Oh Manel... xiça! Vocês humanos são mesmo estúpidos, pá!» - responde-me ele irritado.
«Nem todos, amigo, nem todos!» - e passo-lhe a mão pelas orelhas.

publicado às 00:01
Autoria::

2 comentários:
Os mor ver ortesi iam adorar isto para o clip musical deles.
Está bestial! Agora já sabem, dar festinhas a todos os cães da rua porque nunca se sabe.
Rosinha a 7 de Julho de 2008 às 15:39

E depois dizem que os animais não comunicam!!!!
Gente néscia, asnos!
Concordo com a Rosinha, eu que costumava fazer festas a todos os cães (por gosto e tb por prescrição médica), vou passar a fazer festas a cães, gatos, ratos, piriquitos, pardais, pombas (aqui pode haver um problema de comunicação se elas estiverem num plano mais elevado... )
São a 7 de Julho de 2008 às 17:49

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
blogs SAPO