De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

04
Ago 08


Entro no café. Está deserto, excepção feita à mam... senhora ao balcão.
Ela olha-me ávidamente, talvez na esperança de ser um cliente. É bonita e bo... bem formada. Até me sinto culpado por lhe dizer que venho da parte da Câmara para aferir a balança.
Curiosamente, mantém a sua atitude:
«Consegues ver se está tudo equilibrado?»
«Bom, sim, verifico se a balança está devidamente calibrada.»
«Então se o prato pender mais para um dos lados, tu detectas?»
O tom com que me trata por “tu” é demasiado sensual para ignorar.
«Sim...»
«És exactamente quem eu estava à espera. Preciso de ajuda.»
Os meus olhos incidem naquelas mam... formas e sinto-me salivar.
«...como posso ajudar então?...» - digo com dificuldade.
«Aqui.» - dito isto, levanta a t-shirt e revela as MAMONAS mais belas que alguma vez vi na vida. - «Podes ver se estão equilibradas? Disseram que a esquerda estava descaída.»
Não conseguia acreditar no que se me apresentava. Já não contendo a saliva nem a tremura, num “que se foda” interno, aproximo-me dela e lanço um profissional «Vamos lá ver então...».
Não consigo colocar em palavras as sensações que me percorreram nos loooongos e suaaaaaaves momentos em que aferi manualmente a posição relativa dos pesos. Nem precisei dos meus Mettler-Toledo para confirmar.
«São perfeitos» - disse.
«Que bom! Estava preocupada. Sabes? Fiz a cirurgia há pouco tempo e ainda estava insegura em relação ao cirurgião. Assim vou confiar-lhe a mudança de sexo.»
De repente senti todos os pesos Sartorius em cima da cabeça. - «Desculpe?»
«Sim, tirar o pénis e por no seu lugar um piu-piu...» - e riu-se! Riu-se!
Em choque, peguei na mala e foi sem força nas pernas que alcancei o carro e deixei aquele serviço para outro. Perfeito demais para ser verdade.

publicado às 00:01
Autoria::

comentário:
Não sei bem dizer porquê, mas este texto tem MESMO a cara do Luís... não sei de onde me vêm estas impressões...
Rui Diniz a 4 de Agosto de 2008 às 22:57

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
blogs SAPO