De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

29
Set 08

«Ahhh... assim, amor? Gostas?»
«Isso... mais força, vá... mais força!»
«Ahhhh... Ai tão bom... Ahhhh.... Ai, Sofia tão bom!»
De repente ela pára. Se calhar fiz merda.
«Sofia?! Quem é a Sofia?!»
Merda, merda, merda. Caraças! Não me lembro do nome desta.
«Calma, amorzinho... foi um lapso... eu explico...»
«Explicas o quê?! Já percebi que não sou a única!! Afasta-te de mim!!»
Ela encolhe-se e empurra-me com os braços. Agora o que faço?
Nisto, calho a olhar na direcção que encarava quando a... satisfazia... por trás.
Aha!
«Não, amor! És a única... eu explico-te. Deixa-me explicar vá...»
Ela começa a chorar agarrada à almofada.
«Vá, eu explico. Eu estava a fazer amor contigo deste lado, não é doce? Pois. E o meu olhar estava virado para a tua estante ali, amor, vês? Quando vi o teu livro da Sophia de Mello Breyner que tu tanto gostas, lembrei-me do que te deveria oferecer no teu dia de anos... só pensava em ti, meu amor!»
«Mentiroso! És um mentiroso!»
«Não, meu amorzinho... é a verdade... tens de acreditar em mim... amo-te tanto...»
Ela olha para a estante, olha para mim e chora mais ainda.
«Vá amor... eu aqui no nosso momento mágico, recebo um sinal do que te devo oferecer e tu ainda me acusas de ter outra?»
Ela encara-me, chorando, levanta-se e fecha-se na casa de banho.

Tranco a porta. Tenho de o deixar marinar agora.
Pego na toalha e limpo as lágrimas. Xiça... estou cada vez melhor nisto!
Sinto-me orgulhosa das minhas capacidades com os homens.
Enlouqueço-os na cama e eles ficam a meus pés!
Pena é dar tanto trabalho quando não me lembro do nome do tipo com quem estou. Vá lá que este descaíu-se primeiro...

publicado jjnopants às 00:01
Autoria::

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


subscrever feeds
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO