De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

26
Jun 08

- Meus senhores, apresento-vos o próximo planeta a conquistar! – Começaram as ovações e os viscosos sorrisos esverdeados – Terra! – O esperado anúncio foi recebido com grande entusiasmo pelos presentes na sala.
Uma voz ergueu-se timidamente:
- Por onde iniciaremos a nossa marcha de conquista?
- Tenho intenções de vos esclarecer do nosso grandioso plano. Começaremos por um pequeno país, Portugal! Durante anos mantivemos espiões, estamos actualmente instalados em todas as suas estruturas políticas e sociais. Continuamos a promover alterações na língua deles para facilitar a sua assimilação, conseguimos mexer os cordelinhos para assinarem um documento que corromperá a sua língua e depois os seus pensamentos.
- Será suficiente?
- Obviamente que não, por isso introduzimos outras estratégias. Todo o povo está hipnotizado com jogos de futebol, telenovelas, jogos online, fogos postos no Verão, políticos corruptos. O que lhes sobra?
Trocaram-se comentários sussurrados pelos presentes, uns acenares de tentáculos, até uma nova interrupção:
- Lamento …
- Identifique-se, por favor!
- A minha identificação não tem grande valor por estes lados, talvez vos interesse mais o que tenho para dizer. Os portugueses não vão ser passivos à conquista.
- São um povo primitivo, pouco fizeram mais do que usar a roda.
- Não é bem assim, a partir do próximo mês já temos o I-Phone – diz isto a retirar uma máscara, revelando um rosto humano – um terror percorre a sala e mais máscaras são retiradas. Das 20 criaturas 13 são humanas.
- Mas como?! Vocês nem conseguem mandar sondas até Marte…
- Meu caro, vencemos sempre. Nós portugueses iniciamos a descoberta do espaço há muito mais tempo do que vocês julgam, e temos espiões em todos os lados em que a vossa cultura toca. Basta de conversas, vamos dar cabo desta escória espacial. Tiros e gritos que não se ouvem no vazio do espaço marcaram o momento, e apenas uma série de cadáveres extraterrestres podem explicar o que aconteceu.

publicado às 00:01
Autoria::

8 comentários:
Convenhamos, por esta altura, o blog já precisava mesmo de algo mais divertido ;)
Luís F. Alvesve a 26 de Junho de 2008 às 00:09

Hummm
Conheço um extraterrestre, apresento-to?
rosinha espartilhada a 26 de Junho de 2008 às 00:48

Uma história quase de super heróis logo de manhã para começar o dia. Levanta o astral de qualquer... português. Afinal somos mesmo os Máiores.

Beijinhos para o super-herói mais valente de Portugal. ;)

Gostei ;)
Andreia a 26 de Junho de 2008 às 09:35

Sci-fi com um cheirinho de nonsense à la Jorge..... hummm, o meu favorito!
Barbi a 26 de Junho de 2008 às 11:54

"- Não é bem assim, a partir do próximo mês já temos o I-Phone – diz isto a retirar uma máscara, revelando um rosto humano – " confesso que por momentos ainda pensei surgisse o Phil por detrás da máscara, ihihihih. Porém, como sempre, conseguiste superar-te e surpreender-me com os teus super-heróis de um mundo muito non sense. Parabéns!!!
Para a semana há mais ;-)
Jocas fofas
Pinguim a 26 de Junho de 2008 às 14:56

Hehehehehe...
Fixe.
Cheguei mesmo a ficar preocupada com uma invasão em Portugal, que de certeza se iniciaria em Vila Nova dos Cágados...
Francesca Cortez a 26 de Junho de 2008 às 20:03

Curioso, interessante e irónico.
Não sei se tens sequer noção total do que escreveste.

Força!
Rui Diniz a 26 de Junho de 2008 às 22:43

Garanto que não recorri à Escrita automática :P hehe
Jorge a 27 de Junho de 2008 às 11:47

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO