De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

04
Mar 09

O processo está completo. Conforme planeada, a terraformagem acelerada de Marte, por via a tornar o planeta habitável para humanos, previa um processo de duração de 30 anos.
Apenas me foi possível completá-lo em 34, mas penso que a diferença será para vós irrelevante.
Como descrito previamente nos relatórios da Fase 1, cujas respostas nunca recebi, a combinação das fábricas autoreprodutoras de gases de efeito de estufa com os satélites de reflectores solares apontados para o planeta, possibilitaram a que a temperatura e atmosfera se tornassem adequadas para colonização. Não foi possível, no entanto, usar os mísseis nucleares ainda existentes nos supracitados satélites para o seu intuito original, já que os meteoros que deveriam redireccionar se revelaram raros nas proximidades de Marte.
Ainda assim, foi-me possível, em apenas 17 anos, proceder à Fase 2: a criação de uma mega-estufa à escala planetária, usando colheitas autopropagantes. Também isto foi detalhado em relatórios sem resposta.
O planeta está, portanto, pronto para a Fase 3. A criação de colónias.
Que eu não deixarei que aconteça.
Marte é meu.
É meu porque fui eu que o criei, com o meu suor, as minhas lágrimas, e o meu sangue. É meu porque obviamente, os senhores cagaram-se para o processo de terraformagem, e consequentemente, para o planeta também.
E é meu porque, se algum veículo terrestre entrar na atmosfera do planeta, seja de transporte de humanos ou de sondas robóticas, os satélites reflectores estão programados para descarregar todos os mísseis num ponto estratégico do planeta, danificando-o de tal forma que a alteração gravitacional não só impedirá a colonização, como afectará as órbitas de todos os planetas do sistema. Incluindo a Terra.
Vocês não me quiseram nem a mim, nem a Marte. Agora não reclamem.
Vão à merda! Desejo-vos mortes lentas e dolorosas! Cabrões!
Odeio-vos por me terem deixado sozinho...

 

Pedro Pinheiro
O Novo Dono de Marte.

publicado às 00:01
Autoria::

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO