De Segunda a Sexta, 300 palavras por dia.

03
Set 08

O zumbido do acelerador de partículas enchia a sala, anunciando que, bem ou mal, o processo era agora irreversível.
Não que alguém estivesse preocupado. Por mais que a imprensa, ou aqueles malucos que processaram os responsáveis pelo projecto, quisessem empolar a questão, a probabilidade do Universo ser apagado, ou de qualquer outra catástrofe cósmica, era tão reduzida que era matematicamente impossível. A colisão dos protões daria informação sobre a origem do universo, mas só isso. É verdade que, com a colisão iminente, a questão estava presente na mente de todos, mas não deixava de ser ridí—

A explosão força a energia para fora. Não há matéria, não ainda. Isso virá depois. Para já, é apenas energia pura que se espalha em todas as direcções, preenchendo o espaço como se nada lá estivesse antes. O processo é lento, muito lento. Não há ainda inteligência para medir a passagem do tempo, mas se houvesse, não viveria o suficiente para o medir. Eventualmente, a energia condensa-se, e surge matéria. Mais tempo passa, e a matéria condensa-se em formas. Gases e pedaços soltos que começam também a condensar-se, e surgem estrelas, planetas, e outros corpos. Em alguns, surge vida. Em algumas vidas surge inteligência. De algumas inteligências surgem civilizações. E todas as civilizações, inteligências, vidas, planetas e estrelas se extinguem, enquanto a energia continua a expandir-se, até eventualmente perder a coesão, e dissolver-se no mesmo nada que preenchera há tanto tempo atrás.

--culo, nem merecia consideração.
- Conseguimos apanhar tudo? Quanto tempo durou? – perguntou o responsável.
- Acho que sim. Não sei ainda é a duração. Baralho-me sempre a contar os zeros das fracções.
Felicitações percorreram a sala. E algum alívio. Não houvera desastre. A colisão libertara energia, e tinham agora os dados que precisavam. Tal como previsto, não se passara mais nada.

publicado jjnopants às 00:01
Autoria::

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


subscrever feeds
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO